artistas

Zezé Di Camargo se retrata após polêmica com vereadora morta

26 de março de 2018, 16h25, por Alexandre Murari
Divulgação

Depois de relativizar e ironizar a comoção nacional pelo assassinato da vereadora Marielle Franco, executada no RJ a tiros no último dia 14, o cantor Zeze Di Camargo, em participação no programa Domingão do Faustão, neste último domingo, resolveu dar uma explicação sobre o seu posicionamento:

→ Claudia Leitte fala sobre a origem da mulher e recebe críticas

→ Simple Plan confirma série de shows no Brasil

"Feio é o artista que fica atrás do muro", disse o sertanejo, que completou: "Jamais eu seria ignorante ou desprezível a ponto de ignorar uma morte. O que eu quis mostrar é que, por trás da morte da menina, que era uma lutadora, estavam transformando em um palanque político", analisou o cantor.

Luciano, irmão de Zezé, também comentou a polêmica. "Quando a gente emite uma opinião, sabe que pode vir chumbo. Ainda mais nessa época de internet. Eu prefiro ficar de lado, mas o Zezé não consegue", disse ele.

Comentários