Veja todas as fotos de Rincon Sapiência

Tem Que Tá Veno (Verso Livre)

Rincon Sapiência

ouvir : conectando
aleatório
repetir
sem intro
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • tradução da letratradução letra
  • imprimir letraimprimir letra
  • corrigir
  • corrigir a letra
  • não está conseguindo ouvir a música, clique aqui!ajuda
Rincon Sapiência (Vam'bora!)
Conhecido também como Manicongo, certo? (Okay)
(Vam'bora!)

O sol nascendo desse lado, tipo localiza
De um lado vou pro outro, tipo para-brisa
Falo pouco, observo muito, Monalisa
SP é a cidade que não paralisa
Hey, a massa segue pra entender o macete
Seja passando marcha, passando bilhete
Sai da fonte, sobe o monte, atravessa a ponte
Depois volta com o malote, bota no lembrete
Ahn, se não tem asas, não voa
No chão de barro já pisei, não zoa
Fala que corre, mas a pele não soa
Eles são pálidos dizendo que a minha pele é tão boa (Playboys!)
Deitados nesse privilégio king size
Odeia preto, ama Bob Marley, legalize
Liga leve, tô na linha, ligação de peso
Quando é papo de negócio, ninguém liga a live
Parece brócolis, por isso no fogo eu boto
Só malandro, ninguém dorme, ronco só de moto
Tô no giro, tô no jet, controle na curva
No meu caso, bem melhor que controle remoto

Copos, cortes
Calor, short
Os kit esporte
Batendo forte
Minha vida, arte
A rua é parte
Aperta o start
Chave tá no porte

Baby, falei que sim, eu te espero lá
Sorriso marfim é brilhante como pérola
Nesse bem-me-quer, mal-me-quer
Várias pétalas
Pegue meu número de celular e aperta lá
Mínimo no salário, dízimo na despesa
Medo de batucada, várias vontade presa
Pra toda fé um peso
Seja culto ou terreiro
Uns 'tão querendo paz, uns querendo dinheiro
Outros querem as duas e as ruas nos conta
Memo dedo que julga, memo dedo que apronta
Por isso eu curto a liberdade em que o baile se encontra
É a magia, tecnologia de ponta
Não é papo de bala, tô na bala do troco
Viu a foto, não viu o corre
Esse dia foi louco
Não precisa gritar, por aqui ninguém rouco
É um momento de paz, minhas linhas de soco
Hey, Colômbia, Camarões, Jamaica
Hey, Mandela, Mandrake, Mandraca
Hey, na migué, sem o pé na jaca
Ow, na moral, não vai ter ressaca
A dívida era um espelho, tinha refletido
Essa vida prega peças, eu já fui rendido
Ouvi dizer que os malocas precisam ser dono
Mas se os maloca tá comprando, chamam de vendido

Não
Tem que tá veno, hein?
Hey

álbum

Gravadora: MGoma
Ano:
Faixa: 1




Facebook Google Plus

Denunciar conteúdo inapropriado

Aviso Legal - Política de Privacidade

Notificar erro
Selecione abaixo o tipo de erro da música


código incorreto, tente novamente(trocar imagem)
você deve selecionar uma das três opções antes de enviar 
Minha playlist
Colocar texto bem aqui pro caboclo ficar feliz e voltar pra casa
Minha playlist
Crie um nome para sua playlist nova ou substitua as músicas de uma playlist existente
Dê nome para sua playlist
substitua as músicas da playlist
ou
 
Atualizar Video
Você pode contribuir e corrigir o video desta música
Adicione a url correta do vídeo do YouTube
Ex.: https://www.youtube.com/watch?v=EDwb9jOVRtU
ARTISTA:

MÚSICA: