artistas

Morre, aos 96 anos, o cantor Jon Hendricks

24 de novembro de 2017, 12h53, por Alexandre Murari
Divulgação

O jornal "The New York Times" anunciou a morte de Jon Hendricks, cantor de jazz conhecido por um estilo improvisado de criação de letras para canções instrumentais. Ele tinha 96 anos e a causa da morte não foi revelada.

→ Banda DDT celebra 10 anos de carreira com novo álbum

→ Especial de RC contará com um espetáculo visual

Entra os anos 1950 e 1960, Hendricks se destacou no trio de voz Hendricks, Lambert & Ross, ele era considerado um mestre na arte do improviso, pois criava palavras em canções complexas.

Hendricks também era considerado um pioneiro do gênero "vocalese", escrevendo letras para músicas instrumentais, inclusive sucessos como "Desafinado" e "Along Came Betty". Vencedor de diversos prêmios Grammy, ele costumava ser chamado de "poeta laureado do jazz".

Muito ativo até o fim da vida, ele tinha terminado, neste ano, de compor as letras para o álbum do Miles Davis de 1957 "Miles Ahead". Quando o projeto estreou em Nova York, Hendricks estava na plateia.

Comentários