Deuber e Leandro fecham parceria com Rick Bonadio

30 de maio de 2014, 11h10, por Amanda Ramalho

Eles lançaram nesta semana um novo projeto, o EP "Os Bagunceiros", trabalho com canções divertidas que se mesclam com faixas românticas. Deuber e Leandro são de Itu, interior de São Paulo, chegaram conquistando um grande espaço e trazendo muita novidade.

Divulgação

Navegando entre o sertanejo e o pop-rock, a dupla é a primeira do gênero a ser contratada pelo produtor Rick Bonadio e o seu selo Midas Music. Os artistas já estão em estúdio para as gravações de um trabalho sob total cuidado de Rick e prometem diversas músicas que em breve estarão na boca do povo.

Kboing – Conte-nos como foi o início da dupla, onde começaram a tocar...etc...
Deuber:
Eu era atleta, corria, mas tinha um sonho de ser cantor. Comprei um violão e uma caixa de som e tive a oportunidade de cantar em um barzinho de um amigo na cidade de Itu. E juntamente com dois amigos da faculdade, realizamos o primeiro show. No começo era só por brincadeira e depois começamos a levar mais a sério, com ensaios e tudo mais.

Kboing: Mas... vocês começaram com outro nome... explica essa história.
Deuber:
O primeiro nome que surgiu para dupla foi Marcelo e Fernando, porque não gostava do meu nome, porém o pessoal achou melhor deixar o Deuber mesmo, pois seria impossível existir outra dupla com o nome de Deuber, e o percussionista que era Leandro deu o nome dele para a dupla.

Kboing: Como você e o 'Leandro' se conheceram?
Deuber:
Bom, a primeira formação foi comigo e outro parceiro chamado Adriano, em 2009. A parceria durou oito meses, ele seguiu o seu caminho e eu vim tocar com outro parceiro chamado Rodrigo, mas devido há alguns problemas de saúde ele também teve que se afastar. Em abril de 2010, vim a conhecer o Diogo [o Leandro]. Eu estava num barzinho e ele me pediu ajuda para pegar algo no carro. Nisso umas meninas brincaram com a gente. 'Por que vocês não formam uma dupla?'. A partir daí a bagunça começou.
O Leandro (Diogo), sempre foi músico, tocava guitarra desde os nove anos e antes de iniciar a dupla, cantou por 12 anos em uma banda de Pop Rock. Daí a mistura dos dois ritmos: sertanejo e pop.

Divulgação OficialSertanejos são os primeiros contratados do gênero

Kboing – Vocês assinaram contrato com a Midas Music, do produtor Rick Bonadio. Como foi esse convite, já que fazia algum tempo que o Bonadio não trabalhava com sertanejo e vocês marcam essa "estreia" dele no meio?
Deuber:
Ficamos conhecidos no interior paulista pela mistura do sertanejo com pop rock. E desde então nosso maior sonho, ou melhor, nosso planejamento foi chegar no Rick Bonadio, exatamente por ele ser um produtor mais do pop. Através de um amigo, conseguimos mostrar nosso trabalho para ele.
Para a gente é um sonho sendo transformado em realidade, apostamos na mistura que acabou agradando O CARA que sempre buscamos, ficamos até sem palavras para resumir este sentimento real.

Kboing - O que esperam dessa parceria e o que muda na carreira de vocês?
Deuber:
Esperamos criar um novo conceito, uma mistura de música Sertaneja com Pop.
A mudança será que agora com o trabalho da equipe Midas, do Rick Bonadio, faremos um trabalho de nível nacional.

Kboing – Vocês estão trabalhando em cima do single "Os Bagunceiros". Falem sobre a composição da faixa.
Deuber:
A composição fala sobre um casal que bagunçou bastante no passado e que quando a sintonia bate, o passado fica para trás, e provam que do jeitinho deles os "bagunceiros também sabem amar".

Kboing: Por que essa foi a escolhida?
Deuber:
Realizamos uma pesquisa e foi praticamente unânime a escolha, pois esse tema foi pouco explorado no sertanejo. A propósito o lyric vídeo de "Os Bagunceiros" já está disponível em nosso canal no youtube e em breve começaremos as gravações do clipe oficial com muitas surpresas interessantíssimas... (rsrs). 

Kboing – Agora vocês entram em estúdio para a gravação de um novo trabalho. Já sabem quantas canções estarão no próximo disco ou se haverão participações especiais?
Deuber:
Acabamos de lançar nosso primeiro EP, com 4 faixas próprias, que já está disponível no iTunes e serviços de streaming. Em junho, começaremos a gravação do disco que será composto por 12 faixas de composições próprias. Estamos estudando com o Rick sobre participações especiais.

Kboing – E para os próximos meses, o que os fãs podem esperar?
Deuber:
Para os próximos meses esperamos estar tocando nas rádios de todo o país e também o lançamento do nosso clipe e disco.

Kboing – Deixe um recado para a galera que curte o trabalho de vocês
Deuber:
O recado vai para o pessoal do interior paulista que sempre nos acolheu de uma forma muita positiva e se não fosse por eles este nosso sonho provavelmente não estaria acontecendo. Agora esperamos poder levar nossas músicas e principalmente muita alegria para o resto do Brasil.

Ouvir Deuber e Leandro     |     Letras de Deuber e Leandro

Comentários