Veja todas as fotos de Mano Brown

Amor Distante (feat. Lino Krizz)

Mano Brown

ouvir : conectando
aleatório
repetir
sem intro
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduçãotradução letra
  • imprimirimprimir letra
  • corrigir
  • corrigir letra
  • não está conseguindo ouvir a música?ajuda
Depois do susto, depois da tempestade
Vivemos tudo, incompatibilidades
Relembro muito nossos filhos no playground
Nós dois, tão bom
Amor Distante

Você me deu uma segunda vida,
Contigo pra viver, pra continuar
Fez meu coração bateu fora de mim
Me desarmou e me amou
Eu não quero ficar me explicando pra você
Eu tô cansado...

Quando o mundo era quase meu
Eu tinha planos, eu tinha sede, eu...
Vivi completamente seu
Eu, não há mais canção neste olhar
Nem amanhã nesse adeus
Amor distante

Tô desacreditado do amor
Vou invadir a madrugada, e...
Te esquecer pra não morrer
Neurose desarmou na dose de gim ou licor
Por favor, me deixem só
Amor distante

Do amor que tivemos
E hoje o que somos
Sem você nem queria
Te dizer, também mudou meus planos
Mulher que eu amo
Esquece e vem

Na barra pesada pra te proteger
Mas se você não vem, não quer
Não venha me ver, fico pior
Por favor me deixem só

Pela tristeza do olhar que me condena
Que pena, amor, que pena (Amor Distante)
Por deselegâncias pequenas, pequei
Na ânsia de acerta eu errei, pô (Amor Distante)
Malandro sem razão não é ninguém
Fala alto, se altera, fez merda, ai já era
Um motivo fútil, pô, só preciso me sentir útil, amor, pra você (Amor Distante)
Sei não posso até morrer de dor, nesse silêncio ensurdecedor, porque (Amor Distante)
Antes de morrer posso também matar
Sofrer de amor é mesmo de amargar, morô?
Não virou, então demorou, e eu?
Cheguei a conclusão que fodeu
O que faço em tempos de elogios escassos?
E a sombra do fracasso me assombra?
(Amor Distante)
Homem bom, Homem-Bomba, sou mal, não faço jus
Só eu sei, Jesus, como te amo e espero
Se não me quer como te quero é a vida
Triste é a partida, deixa o trem seguir
E como o resto de Sol no mar foi assim
O cheiro do copo vazio de Gim
Que pena, amor, que pena

Que se foda eu também vou explodir
Bin Laden por aí, raivoso como bicho
Bruxo do luxo ao lixo de manhã
Noites e noites vãs buscando alguém
Tanta solidão a quem convém
Que pena, amor, que pena (Amor Distante)

(Amor Distante)

Te apresentei a lua dos amantes
Moça extravagante de Deus pra você ver (Amor Distante)
E fui profundo nesse outro mundo que é você
Paraíso carnal, exuberante (Amor Distante)
Perigosas durante, curvas insinuantes, avisei antes
Pra não brincar de amor comigo, amor
Dizer que nosso show já terminou (Amor Distante)
Que pena, amor, que pena

Ô, sim
Ô, não
Ô, te amo
Nesse inverno quero ter você
Amor distante

Amor distante...

capa do álbum Amor Distante de Mano Brown

Gravadora: Som Livre
Ano:
Faixa: 6


As Mais Ouvidas de Mano Brown

Facebook Google Plus

Denunciar conteúdo inapropriado

Notificar erro
Selecione abaixo o tipo de erro da música


código incorreto, tente novamente(trocar imagem)
você deve selecionar uma das três opções antes de enviar 
Minha playlist
Colocar texto bem aqui pro caboclo ficar feliz e voltar pra casa
Minha playlist
Crie um nome para sua playlist nova ou substitua as músicas de uma playlist existente
Dê nome para sua playlist
substitua as músicas da playlist
ou
 
Atualizar Video
Você pode contribuir e corrigir o video desta música
Adicione a url correta do vídeo do YouTube
Ex.: https://www.youtube.com/watch?v=EDwb9jOVRtU
ARTISTA:

MÚSICA: