foto de Baitaca

A Cavalo Na Verdade

Baitaca

ouvir : conectando
aleatório
repetir
sem intro
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduçãotradução letra
  • imprimirimprimir letra
  • corrigir
  • corrigir letra
  • não está conseguindo ouvir a música?ajuda
Campeiros modernos estão desonrando o nosso Rio Grande,
O pelego grande diz que estorva muito quando for laçar,
É pura mentira, pro tal modernismo a tempo se entregaram,
E assim que deixaram nossa tradição se desmoronar.

Gaúchos sem fibra frouxaram o garrão e tão dobrando a espinha,
Deixaram as bandinhas invadir as portas de alguns CTG,
Não honra a bandeira e até esqueceram a nossa origem macha,
Estreitaram a bombacha, encurtaram o lenço, eu pergunto por quê? (2x)


Eu canto as verdade, defendo o Rio Grande,
Eu calcei o pé e não vou me entregar,
Se a história foi feita a ponta de lança,
Casco de cavalo e ninguém vai mudar(2x)

(Tem barbado usando saia tapando a ponta do pé,
Fugindo da nossa raia disfarçado de muié,
Na lança do modernismo, furou a oreia e se perdeu,
Devolva os brinco pra prenda, não use o que não é teu)

Alguns mau caráter estão pisoteando em nosso respeito
Mas eu não aceito e a própria verdade minha memória expira
Montei a cavalo, cavalgo ao relento tropeando o progresso,
Se tenho sucesso não foi conquistado abaixo de mentira

Tão assassinando o nosso bugio, o xote e a vanera
A valsa, a rancheira que vem desde os tempos dos fandangos antigo
Quem canta mentindo mais cedo ou mais tarde será castigado
E quem canta as verdade por a lei de Deus não merece castigo (2x)

Eu canto as verdade, defendo o Rio Grande
Eu calcei o pé e não vou me entregar
Se a história foi feita a ponta de lança
Casco de cavalo e ninguém vai mudar(2x)

Conservar a fibra e defender a verdade são direitos meus
Agradeço a Deus por iluminar a minha memória
Tem falsos colegas que há tempos esperam a minha derrota
Mas infelizmente ainda vão bater palma na minha vitória

Tem cantor mentindo que munta em bagual e enche de porrete
Que diz que é ginete, que é domador e foi peão de lavoura
Só conhece a enxada sem cabo na venda, é lá pendurada
E na gineteada é só mesmo que munte em cabo de vassoura(2x)

Eu canto as verdade, defendo o Rio Grande
Eu calcei o pé e não vou me entregar
Se a história foi feita a ponta de lança
Casco de cavalo e ninguém vai mudar(2x)

(O respeito e a verdade vem desde antigamente
E este chapéu vai servir na cabeça de quem mente
Vai um abraço aos colegas
Que tem sinceridade
E que através do seu canto
Também defendem a verdade)

capa do álbum Da Doma pro Rodeio, Vol. 12 de Baitaca

Gravadora: Gravadora Vozes
Ano:
Faixa: 5


músicas | letra

Relacionados
As Mais Ouvidas de BaitacaFacebook Google Plus

Denunciar conteúdo inapropriado

Notificar erro
Selecione abaixo o tipo de erro da música


código incorreto, tente novamente(trocar imagem)
você deve selecionar uma das três opções antes de enviar 
Minha playlist
Colocar texto bem aqui pro caboclo ficar feliz e voltar pra casa
Minha playlist
Crie um nome para sua playlist nova ou substitua as músicas de uma playlist existente
Dê nome para sua playlist
substitua as músicas da playlist
ou
 
Atualizar Video
Você pode contribuir e corrigir o video desta música
Adicione a url correta do vídeo do YouTube
Ex.: https://www.youtube.com/watch?v=EDwb9jOVRtU
ARTISTA:

MÚSICA: