Músicas - Escolha Seu Artista

Marília sobre o sertanejo: "distante do 'ser humano'"

15 de maio de 2017, 10h03, por Alexandre Murari
Divulgação

Além de ter se destacado por sua voz e suas composições, não é segredo para ninguém que a cantora Marília Mendonça também é destaque quando expõe seus pensamentos e faz os seus desabafos.

→ Em visita à rádio Disney, Miley Cyrus relembra infância

Na madruga desta segunda-feira, 15, após passar o Dia das Mães longe da sua mãe por conta de sua agenda de shows, a sertaneja foi ao Instagram e fez um desabafo sobre o que acontece no mercado musical do sertanejo e como a cobrança do público influencia em sua carreira.

→ Arnaldo Antunes lança DVD gravado em país europeu

Em seu post, Marília relembrou a morte de Cristiano Araújo e expôs a cobrança que sofre um artista em ascensão. "No dia que você se foi, o mundo caiu pra mim. Eu pensei e repensei sobre o que é o nosso mercado e o quanto isso tá tão distante do 'ser humano'. Somos um monte de pessoas iguais, e o que nos difere é um dom que Deus nos deu, e que a gente não pode simplesmente virar as costas e dizer que não quer".

A sertaneja também aproveitou para desabafar acerca de uma brincadeira de mal gosto que muitos cantores sofrem, pois há pessoas que não enxergam a carreira musical como um trabalho.

"'Você trabalha de que?' Sou cantor. 'Ok, mas você trabalha de quê?'. Piadas como essa não fazem sentido. Você estava com sua mãe hoje? Não me julgue. Você estava de folga hoje? Não me julgue. Você conseguiu passar datas especiais com pessoas importantes? Não me julgue. Você que fala, fala e não sabe de nada. A partir do momento que você apresenta sua missão pro mundo, não tem mais escolha. Ou você acha que eu posso sentar e decidir o tamanho e proporção do meu trabalho, se eu sonhei cantar pro Brasil?", indagou Marília Mendonça, relembrando o fato de ter passado o Dia das Mães longe de sua mãe, Ruth Moreira.

Comentários