Zé Ramalho

A Peleja De Zé Limeira No Final Do 2º Milênio

ouvir : conectando
aleatório
repetir
sem intro
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduzir letra
  • imprimir letra
  • corrigir
  • ajuda
Quando o leite de aveloz
Pingou célere no olho da serpente
As garras da semente se aprofundaram em mim
Velhos pergaminhos, hieróglifos, cometas
A tumba ardente de Salomão
Confundem meus cabelos com os de sansão
Eu quebrei o selo da real dinastia
Dos que lutam com as pedras na mão
Descendente da estirpe maloqueira
Do maldito rei Ricardo coração de leão
Na távola quadrada o pentágono
Tomou sua última decisão
Acharam gozação o fato
De Colombo ser mais famoso que eles
Atiraram contra suas próprias cabeças
Enforcaram-se nas gravatas
Puseram fogo nos cabelos
Enquanto na casa branca
Clinton abusava da vedete
Cantando um rock desentoado
E mascando chiclete
Enquanto aqui no congresso
Apagavam dados comprometedores
De um escandaloso disquete
As mesmas criaturas alienígenas
Me deram seu colar
E puseram-me no cesto
Sobre o leito do rio Jordão
É quando o uivo de uma loba
Me adverte: Rômulo
Meu remo se partiu na correnteza
Meu medo é uma casa portuguesa

E uma casa portuguesa com certeza
E com certeza uma casa portuguesa


Album:
Gravadora:
Ano:
Faixa: 8

músicas | letra

Facebook Google Plus

Denunciar conteúdo inapropriado

Notificar erro
Selecione abaixo o tipo de erro da música


código incorreto, tente novamente(trocar imagem)
você deve selecionar uma das três opções antes de enviar 
Minha playlist
Colocar texto bem aqui pro caboclo ficar feliz e voltar pra casa
Minha playlist
Crie um nome para sua playlist nova ou substitua as músicas de uma playlist existente
Dê nome para sua playlist
substitua as músicas da playlist
ou
 
Atualizar Video
Você pode contribuir e corrigir o video desta música
Adicione a url correta do vídeo do YouTube
Ex.: https://www.youtube.com/watch?v=EDwb9jOVRtU
ARTISTA:

MÚSICA: