artistas

MC Maylon diz que ele e Anderson tinha um pacto: "juntos para sempre"

11 de fevereiro de 2021, 14h23, por Amanda Ramalho
Reprodução Instagram

E as investigações do caso Maylon e Anderson Leonardo, do Molejo, continuam!

Agora, segundo MC Maylon, ele o vocalista tinham um pacto de nunca se separarem e por esse motivo fez a tatuagem com o rosto do pagodeiro.

"Fiz essa homenagem, porque ninguém nunca tinha feito uma tatuagem para ele. O cara era um ídolo, um pai pra mim. Eu sempre levantava muito a autoestima do Anderson, pois ele, às vezes, se coloca muito para baixo. Tive a ideia dessa tatuagem após um show em Bangu, onde haviam várias garrafas quebradas no camarim e ele falou que era para gente fazer um pacto e nunca mais se separar. Pai e filho juntos para sempre. Daí fiz a tatuagem. Ele ficou surpreso e beijou a própria testa na tattoo", contou Maylon durante uma entrevista ao portal "Observatório dos Famosos".

"Não saí do carro, pois eu confiava nele. Era tudo pra mim, meu pai, meu ídolo. Então nunca pensei que iria me estuprar dentro do hotel. Ele entrou para dentro do hotel para as pessoas não verem ele com um gay na rua fazendo reunião, foi isso que ele alegou pra mim. E me convenceu a entrar", respondeu Maylon quando perguntado do porque não saiu do carro.

O dançarino também descreveu os momentos que antecederam o estupro.

"Ele me chamou para dentro do quarto, fechou a porta, tirou meu telefone e tirou a blusa dele. Mandou eu sentar, que iríamos conversar, foi onde ele começou a me agredir. Começamos a medir forças, me deu pânico (...) daí ele conseguiu penetrar, eu desmaiei de dor. Ficou batendo nas minhas costas, chamando pelo meu nome para eu acordar, ao final falou: 'que merda que eu fiz'".

Maylon contou que não tinha conhecimento da bissexualidade de Anderson.

Fique por dentro de tudo o que rola no mundo da música. Curta a nossa página Faceboook!

Comentários