artistas

Confira a programação do Sesc Rio Preto de 19 a 24 de novembro

18 de novembro de 2019, 10h05, por Amanda Ramalho
Divulgação

A unidade do Sesc de São José do Rio Preto, interior de São Paulo, recebe até o dia 23 de novembro o projeto NEGRURA. Entre muito bate-papo e atividades, o Sesc Rio Preto está recheado de músicas.

Confira abaixo e a programação completa:

DIA 19, TERÇA
NEGRURA | BATE-PAPO A PRESENÇA NEGRA NAS ARTES

Com Samuel de Saboia, artista visual, e Priscila Rezende, artista visual we performer. Mediação: Adriana Couto, jornalista e apresentadora da TV Cultura.
Há muito tempo as artes visuais são apontadas como a linguagem mais branca e elitista de todas. Além da pouca visibilidade aos artistas negros, a comunidade negra encontra dificuldades para ocupar este espaço até mesmo como público. Nesta mesa, os convidados discutem o assunto e compartilham suas criações, iniciativas e atitudes para afirmar o negro como artista e estética.
Dia: 19, terça, 20h às 22h.
Teatro. 228 lugares. Grátis. Retirada de ingressos a partir das 19h30. Livre.

DIA 20, QUARTA
NEGRURA | VIVÊNCIA CRIAÇÃO CONJUNTA

Com Samuel de Saboia e Daniel Firmino, artistas plásticos.
Uma tarde para experimentações acompanhado de dois grandes criadores: o recifense Samuel de Saboia e o rio-pretense Daniel Firmino. Um espaço com tintas, telas e pincéis para trocar experiências e vivenciar livremente a criação artística.
Dia: 20, quarta, 14h30 às 16h30.
Espaço Oficina I. 30 pessoas. Grátis. Inscrições no local. Livre.

NEGRURA | INTERVENÇÃO MC KAMILA ANDRADE
A mestre de cerimônia desta noite vem de Ribeirão Preto para representar a força feminina no hip hop. Rimadora desde 2012, entrou no movimento em 2014 para multiplicar sua voz e em 2016 se tornou a primeira mulher vice-campeã do Circuito Paulista de Batalha de MCs.
Dia: 20, quarta, 18h30.
Comedoria - Área Externa. Grátis. Livre.

NEGRURA | INTERVENÇÃO 80 DISCOS: 1 MANIFESTO
Com DJ Thiago Rude.
Um set com 80 discos de música negra - do jazz ao samba - homenageia o músico Evaldo dos Santos Rosa e o catador Luciano Macedo, mortos após o disparo de mais de 80 tiros contra um veículo no Rio de Janeiro.
Dia: 20, quarta, 18h30.
Comedoria - Área Externa. Grátis. Livre.

NEGRURA | FEIRA CULTURAL NEGRA-FEIRA
Artesãos e criadores negros de Rio Preto e região expõem seus trabalhos.
Dia: 20, quarta, 18h30.
Comedoria - Área Externa. Grátis. Livre.

NEGRURA | INTERVENÇÃO CABELIN CHAVOSO
Com Josyas Mendes e Luiz Fernando, barbeiros.
Cortar cabelo é uma arte! Responsáveis por fazer a cabeça de Mano Brown, Ed Motta e Seu Jorge, os cabeleireiros vão criar cortes e penteados ao vivo para mostrar a plasticidade do cabelo afro. Pré-requisito: possuir cabelo afro. Inscrições pelo site sescsp.org.br/riopreto ou na Central de Atendimento.
Dia: 20, quarta, 19h.
Comedoria - Área Externa. 12 vagas. Grátis. Livre.

NEGRURA | INTERVENÇÃO SABOIA AO VIVO
Da periferia de Recife para grandes galerias do mundo: esta é a jornada de Samuel de Saboia. Uma das revelações das artes visuais brasileiras e comparado ao americano Basquiat, o artista recifense vai criar uma obra a olhos vistos.
Dia: 20, quarta, 20h.
Comedoria. Grátis. Livre.

43ª MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA | EXIBIÇÃO CICATRIZES
Dir: Miroslav Terzic. Servia, 2019, 97min. Legendado.
 A história, baseada em fatos reais, narra a saga de uma mulher que acredita que, há 18 anos, seu filho, alegado natimorto pelo hospital, na realidade está vivo.
Dia: 20, quarta, 20h.
Teatro. 228 lugares. R$12,00 (Inteira), R$6,00 (Meia), Grátis (Credencial Plena). 16 anos.

NEGRURA | INTERVENÇÃO STRANGE FRUIT 80 ANOS DEPOIS
Com Coletivo Coletores e os músicos Bárbara Silva, Esdras Nunes e Ilson Ribeiro.
Em 1939, a cantora de jazz Billie Holiday gravou sua canção mais emblemática e uma das maiores músicas de protesto do século 20: Strange Fruit. Exatos 80 anos depois, a música continua atual ao falar da violência contra a população negra.
Dia: 20, quarta, 20h30.
Comedoria. Grátis. Livre.

NEGRURA | SHOW NEGRA LI
Cantora e compositora com mais de 20 anos de carreira e uma das principais vozes femininas do rap brasileiro, Negra Li apresenta um show inspirado nos grandes bailes de música black dos anos 90. No repertório, as músicas de seu mais recente álbum, “Raízes”.
Dia: 20, quarta, 21h30.
Comedoria. Grátis. 16 anos.

DIA 21, QUINTA
NEGRURA | WORKSHOP CORTES E CUIDADOS PARA CABELOS AFRO

Com Josyas Mendes e Luiz Fernando, barbeiros.
Os barbeiros compartilham conhecimentos e macetes que fazem a cabeça de rappers, manos e da moçada descolada. Os participantes serão introduzidos ao corte afro, apresentando as características dos cabelos crespos e técnicas de corte.
Dia 21, quinta, 19h às 22h.
Sala Expressão Artística. 30 vagas. Grátis. Inscrições no portal sescsp.org.br/riopreto ou na Central de Atendimento. Livre.

43ª MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA | EXIBIÇÃO VIVER PARA CANTAR
Dir: Johnny Ma. China, França, 2019, 100min. Chengdue, China.
Zhao Li administra uma trupe de ópera que vive e se apresenta em um velho teatro que será demolido. Enquanto ela procura um novo teatro para o grupo, que não sabe da notícia, a ópera e seus personagens aos poucos se infiltram em sua própria realidade.
Dia: 21, quinta, 20h.
Teatro. 228 lugares. R$12,00 (Inteira), R$6,00 (Meia), Grátis (Credencial Plena). 16 anos.

DIA 23, SÁBADO BATE-PAPO BASTIDORES DA RELEITURA
Com Jé Oliveira, diretor e idealizador do espetáculo, Gota D’Água {Preta}.
Fundador do Coletivo Negro e indicado ao Prêmio Shell 2019 na categoria Inovação, o diretor abre as portas da montagem para compartilhar com o público a concepção desta releitura, a importância da ocupação negra neste clássico do teatro brasileiro e as questões sociais levantadas pela produção.
Dia: 23, sábado, 16h às 17h.
Teatro. 40 vagas. Grátis. Retirada de ingressos a partir das 15h30. Livre.

NEGRURA | ESPETÁCULO GOTA D’ÁGUA {PRETA}
Texto e Dramaturgia: Chico Buarque e Paulo Pontes. Direção Geral, concepção e idealização: Jé Oliveira. Elenco: Aysha Nascimento, Ícaro Rodrigues, Jé Oliveira, Juçara Marçal, Martinha Soares, Marina Esteves, Mateus Sousa, Rodrigo Mercadante e Sérgio Pires. Duração: 220 min., com intervalo de 10 minutos entre os atos.
Joana é uma mulher madura, sofrida, moradora de um conjunto habitacional e preste a ser despejada com os filhos. Jasão é jovem, sambista e a caminho do sucesso. A partir de uma traição conjugal, o espetáculo acrescenta novas camadas à obra de Chico Buarque e Paulo Pontes ao povoá-la pela primeira vez com um elenco predominantemente negro e unir os clássicos de Chico ao funk e ao hip hop. Uma releitura em que a realidade racial e periférica assume o protagonismo.
Dia: 23, sábado, 19h30.
Teatro. 228 lugares. R$ 30,00 (Inteira), R$ 15,00 (Meia), R$9,00 (Credencial Plena).

DIA 24, DOMINGO
CRIANÇAS | EXIBIÇÃO POKÉMON: DETETIVE PIKACHU

Dir.: Rob Letterman. 105 min. EUA,/Japão, 2019.
O desaparecimento do detetive Harry Goodman faz com que seu filho Tim (Justice Smith) parta à sua procura. Ao seu lado ele conta com Pikachu, o antigo parceiro Pokémon de seu pai, que perdeu a memória recentemente.
Dia: 24, domingo, 15h30.
Teatro. 228 lugares. Grátis. Retirada de ingressos a partir das 15h. Livre.

TARDES MUSICAIS | SHOW QUADRADO ELIPSE
Pop rock.
A banda mescla seu repertório autoral  com releituras de sucessos de bandas como Barão Vermelho, Legião Urbana, Paralamas do Sucesso, Pitty mesclando as nuances e riffs de bandas como Beatles, Deep Purple, Pink Floyd, Iron Maiden, Ozzy Osbourne.
Dia: 24, domingo, 16h30.
Comedoria. Grátis. Livre.

43ª MOSTRA INTERNACIONAL DE CINEMA | EXIBIÇÃO O FILME DE BRUNO ALEIXO
Dir: João Moreira, Pedro Santo. Portugal, 2019, 92min.
Personagem cômico e famoso no YouTube, o português Bruno Aleixo ganha seu próprio filme. Na trama, Bruno se reúne com amigos, para que eles lhe deem ideias para sua autobiografia.
Dia: 24, domingo, 17h30.
Teatro. 228 lugares. R$12,00 (Inteira), R$6,00 (Meia), Grátis (Credencial Plena). 12 anos.

Fique por dentro de todas as notícias que rolam por aqui! Curta a nossa página no Facebook!

Comentários