foto de Duduca e Dalvan

Berrante De Ouro

Duduca e Dalvan

ouvir : conectando
aleatório
repetir
sem intro
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduçãotradução letra
  • imprimirimprimir letra
  • corrigir
  • corrigir letra
  • não está conseguindo ouvir a música?ajuda
Nesta casinha junto ao estradão, faz muito tempo eu parei aqui.
Vem minha velha vamos recordar, quantas boiadas eu já conduzi.
Fui berranteiro e me ver passar, você surgia me acenando a mão
Até que um dia eu aqui fiquei, preso no laço do seu coração.
Vê ali está, o meu berrante no mourão do ipê,
Vou cuidar melhor, porque foi ele quem me deu você.
Me lembro o dia em que aqui parei, daquela viagem não cheguei ao fim
Foi a boiada e com você fiquei, e os peões dizendo adeus pra mim
Vem minha velha veja o estradão, e o berrante que uniu nós dois,
Nuvens de pó que para trás deixei, recordações do tempo que se foi.
Daquele tempo que ao longe vai, o meu berrante repicando além.
Ecos de choros vindos do sertão, ao recordar fico a chorar também.
Não é de ouro o meu berrante não, mas para mim ele tem mais valor,
Porque foi ele quem me deu você, e foi você quem me deu tanto amor.

capa do álbum Gigantes de Duduca e Dalvan

Gravadora: WM Brazil
Ano:
Faixa: 6


músicas | letra

Relacionados
As Mais Ouvidas de Duduca e DalvanFacebook Google Plus

Denunciar conteúdo inapropriado

Notificar erro
Selecione abaixo o tipo de erro da música


código incorreto, tente novamente(trocar imagem)
você deve selecionar uma das três opções antes de enviar 
Minha playlist
Colocar texto bem aqui pro caboclo ficar feliz e voltar pra casa
Minha playlist
Crie um nome para sua playlist nova ou substitua as músicas de uma playlist existente
Dê nome para sua playlist
substitua as músicas da playlist
ou
 
Atualizar Video
Você pode contribuir e corrigir o video desta música
Adicione a url correta do vídeo do YouTube
Ex.: https://www.youtube.com/watch?v=EDwb9jOVRtU
ARTISTA:

MÚSICA: