Veja todas as fotos de Dante Ramon Ledesma

Súplica do Rio

Dante Ramon Ledesma

ouvir : conectando
aleatório
repetir
sem intro
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • tradução da letratradução letra
  • imprimir letraimprimir letra
  • corrigir
  • corrigir a letra
  • não está conseguindo ouvir a música, clique aqui!ajuda
Ajoelhado
Na barranca do meu rio,
Hoje triste lavo roupa
Pra vestir a solidão.

O caniço de alfinete
Que eu pescava lambari...
São retalhos da infância
Transformados em saudade,
Que juntando fiz uns versos
Pra compor esta canção

Não deixem morrer meu rio,
Me ajudem por favor!
O biguá que mergulhava, já morreu
Água pé não dá flor (2x)

Em momentos de angústia
Ao pensar estando só,
Vejo o rio da minha infância
A correr buscando o mar;
Sinto sede de água pura
Quando a "natureza" chora
No silêncio das barrancas
Me pedindo pra cantar

Não deixem morrer meu rio,
Me ajudem por favor!
O biguá que mergulhava, já morreu
Água pé não dá flor (2x)

Vendo as águas poluídas,
Do meu canto faço reza,
A viola na cantiga
É meu templo de oração;
Quero-quero está morrendo
Pelas várzeas do meu campo,
O seu grito é um lamento
Suplicando neste chão

Não deixem morrer meu rio,
Me ajudem por favor!
O biguá que mergulhava, já morreu
Água pé não dá flor ...




Facebook Google Plus

Denunciar conteúdo inapropriado

Aviso Legal - Política de Privacidade

Notificar erro
Selecione abaixo o tipo de erro da música


código incorreto, tente novamente(trocar imagem)
você deve selecionar uma das três opções antes de enviar 
Minha playlist
Colocar texto bem aqui pro caboclo ficar feliz e voltar pra casa
Minha playlist
Crie um nome para sua playlist nova ou substitua as músicas de uma playlist existente
Dê nome para sua playlist
substitua as músicas da playlist
ou
 
Atualizar Video
Você pode contribuir e corrigir o video desta música
Adicione a url correta do vídeo do YouTube
Ex.: https://www.youtube.com/watch?v=EDwb9jOVRtU
ARTISTA:

MÚSICA: