Músicas - Escolha Seu Artista

Claudia Leitte se 'declara' para gays e sofre críticas

09 de agosto de 2017, 10h59, por Alexandre Murari
Divulgação

Trabalhando em seu mais novo hit, a faixa "Baldin de Gelo", que já conta com um clipe inspirado na cultura Hip Hop, a cantora Claudia Leitte também continua ativa em suas declarações.

→ Musical inspirado na Operação Lava Jato estreia em 2018

Em uma entrevista cedida ao G1, Claudia fez questão de deixar claro a importância que tem o público LGBT em sua carreira. No entanto, a cantora foi alvo de críticas por reforçar o esterotipo de que gay é sempre feliz e animado.

→ Aos 45 anos, Ivete Sangalo pretende aumentar a família

"Eu amo o público gay e sou uma pessoa que tem necessidade de tê-los por perto, me cercando, porque eles são enérgicos, alegres, como meu público é. Então, eu não posso viver sem eles. Não posso fazer uma dissociação. Quando eu vejo a massa lá de cima, eu vejo gente feliz. E gay é feliz. Sou uma representante, e se quiserem me aceitar, sempre serei", cravou a artista.

→ Saiba quem são os artistas que estarão no VMA deste ano

Na internet, algumas pessoas criticaram a posição da loira. "Que engraçado pq a gente pode viver de boa sem ela...", declarou um internauta.

Alguns seguidores prefeririam lembrar uma fala de 2008, da própria Claudia Leitte, quando ela havia declarado que não gostaria de ter um filho gay. À época, ela falou sobre o preconceito sofrido pelos seus amigos gays:

"Além disso, se muitos homossexuais ainda se dividem quanto à homossexualidade ser uma alteração genética ou de fato uma opção sexual, por que eu deveria afirmar no meio de uma brincadeira que gostaria que meu filho fosse gay?"

Comentários