ouvir : conectando
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduzir letra
  • imprimir letra
  • corrigir
  • ajuda


Até o sapo que pouco se manifesta
ficou sabendo que a festa
ia rolá no céu

Falô e disse
- Novidadde e aventura se chega lá
nas alturas, é sopa no mel

Como sabia que voa era impossível
traçou um plano terrível o sapo cururu
falô que ia disse adeus e foi-se embora
pra se infiando na viola do amigo urubu

Lá no foguedo celestial
se divertiu fazendo a social
no fino teto se sapa a casa (?)
imagine só se Deus lhe desse asa

Sapo que se acha como eu te invejo
sapo que coacha na beira do brejo
Sapo que se acha como eu te invejo
sapo que coacha na beira do brejo(bis)

Lá pelas tantas deu pra ouvir o urubu
conversa com o brucutu pulo dentro da viola
a grande zebra se deu quanda a ave negra
disse em tom de dispidida

- Vou volta chegou a hora

Em pleno vôo num espaço sem tamanho
um barulho estranho um certo movimento
desconfiou

- aí tem coisa eu acho

e de boca pra baixo virou seu instrumento

- Pobre de mim vou me dar mal,

foi assim que disse o sapo e desabou
e disse mais imaginando o tombo

- se chego vivo me arrumo lá na terra
meu senhô

Sapo que não voa sapo que caiu
sapo na lagoa e na beira do rio
Sapo que não voa sapo que caiu
sapo na lagoa e na beira do rio


Mais músicas de Moraes Moreira


músicas | top novidades | top músicas | top artistas

As mais ouvidas



Denunciar conteúdo inapropriado

Facebook
Google Plus
aleatório
repetir