, 16h27

Entrevista: João Bosco e Vinicius

Divulgação

Eles são amigos, companheiros de trabalho e possuem uma grande afinidade entre si. Há 19 anos juntos, João Bosco e Vinicius têm grandes canções e projetos, várias histórias e muitos anos de sucesso pela frente.

A dupla lançou recentemente o projeto "A Festa", um trabalho recheado de boas canções que variam do romântico até as faixas que fazem todo mundo dançar.

O site Kboing bateu um papo com os sertanejos e eles nos contaram sobre a produção do DVD, tentaram escolher apenas uma canção de todo o repertório como a favorita e muito mais. Confira a entrevista!

Kboing – O novo CD/ DVD, "A Festa", veio como um projeto mais intimista... reservado. Por que esse conceito nesse trabalho?
João Bosco e Vinicius:
Porque, até então não tínhamos um DVD gravado dessa forma na nossa carreira. Vínhamos de um DVD grandioso e quisemos fazer mesmo uma 'festa' com os amigos em casa. "A FESTA" é um projeto mais intimista, mostrando mais nossa interação um com o outro e com nosso público. Escolhemos a casa do nosso amigo e empresário porque costumamos receber os amigos para comer, beber e cantar musica boa. E foi isso que tentamos passar no DVD, uma "bagunça organizada". A princípio, o DVD seria gravado na parte externa da casa também, mas ai caiu uma chuva antes de começar e tivemos que dar um jeitinho de colocar todo mundo dentro de casa (risos).
Com "A Festa", procuramos mostrar a nossa intimidade como dupla. São 19 anos juntos, e essa é uma forma de expor o nosso entrosamento, como é a interação entre nós em um show, algo que às vezes fica mais difícil de ser observado em lugares maiores.

Kboing - No momento vocês trabalham em cima da música "Química", que tem uma levada mais romântica... como foi a composição da faixa? E por que escolheram essa para ser trabalhada?
João Bosco e Vinicius:
Nós gravamos músicas para o público. Ou seja, nos colocamos no lugar de ouvintes, priorizando o que achamos que os nossos fãs querem nos ouvir cantando sem perder a nossa identidade. Foi assim com "Química", do João Marcelo. Escolhemos para trabalhar por ser bem romântica mesmo.

Kboing - Vocês têm essa facilidade de sair do romântico e mexer com a galera com músicas mais agitadas como "Colo Colo", "Final de Semana" entre outras. Na hora de preparar o repertório o que precisa prevalecer?
João Bosco e Vinicius
: Nós ouvimos mais de mil musicas para chegar até esse repertório. Fizemos uma seleção das melhores canções e complementamos com duas regravações fantásticas e músicas de nossa autoria. Na hora da escolha prevalece o nosso gosto e o que sentimos que pode agradar ao público.

Kboing – É possível, dentre todo o repertório de vocês, escolher uma canção que tenha marcado mais a carreira? Qual seria e por quê?
João Bosco e Vinicius
: Acho que é impossível escolher uma só. Nossas principais músicas são: "Sem Esse Coração", "Tema Diferente","2 Anos" e também os outros sucessos como "Chora, Me Liga", "Curtição" e "Coração Só Vê Você". Cada uma teve sua importância e seu momento.

Kboing – Quais as maiores dificuldades encontradas na carreira musical?
João Bosco e Vinicius:
Acho que a maior dificuldade que enfrentamos foi a descrença no nosso trabalho, mas isso nos fez amadurecer.

DivulgaçãoCapa do disco "A Festa"

Kboing – Vocês superaram obstáculos, emplacaram muitas faixas e acrescentaram no currículo milhares de discos vendidos. Como enxergam o João Bosco e Vinicius de hoje com o do início da carreira?
João Bosco e Vinicius:
Seguimos 'olhando sempre para o próprio umbigo', ou seja, priorizando o nosso estilo sem copiar ninguém. Nós temos saúde, temos conseguido mostrar a nossa música para o público e estamos, hoje, vivendo do que amamos, da nossa música. Podemos destacar o repertório, a dedicação, a disciplina e a crença no trabalho. Isso não mudou desde o início da carreira.

Kboing – O sertanejo tem pegado carona com o eletrônico e com o funk. Acha que essa mistura pode se popularizar?
João Bosco e Vinicius:
A grande virada da música atual foi deixar de ser vista apenas como uma música estritamente rural e se tornar urbana, quebramos o preconceito e a visão das pessoas de que  gostar de musica sertaneja é coisa de caipira. Os elementos usados e as letras, cada um responde por si! A partir do momento que um determinado artista escolhe um caminho a ser seguido e dá continuidade ao trabalho, ela pode se popularizar. Na música sertaneja sempre coube outros estilos musicais e acreditamos que por esse motivo ela tenha se tornado a música mais popular do Brasil atualmente.

Kboing – Por favor, deixem um recado para o pessoal que curte o trabalho de vocês.
João Bosco e Vinicius:
Obrigado por nos acompanhar sempre. Espero que curtam o novo trabalho e que possam ver o show. Fazemos tudo com o maior carinho e sempre pensando em vocês!

Ouvir João Bosco e Vinicius   |   Letras de João Bosco e Vinicius

Por Amanda Ramalho
compartilhe:  comentários
comentários
publicidade
publicidade