ouvir : conectando
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduzir letra
  • imprimir letra
  • corrigir
  • ajuda


Não sou fulô que se cheire
E que se deixe murchar
Nem sou o mato onde morre
Onde corre a Estrela Dalva

Eu não sou corpo que se corte
Eu não sou sorte que se enjeite
Eu não sou porto que se deixe
Moreno, sei me levar

Eu não sou carne e nem sou peixe, moreno
Rio abaixo, rio acima
Nem sou cacimba vazia
Que se enche de chorar

Eu não sou braço de mar, moreno
Que não se deixe abraçar
Nem sou a fulô da margem, moreno
Que não se possa cheirar
Nem sou a fulô da margem, moreno
Que não se possa cheirar

Não sou fulô que se cheire
E que se deixe murchar
Nem sou o mato onde morre
Onde corre a Estrela Dalva

Eu não sou corpo que se corte
Eu não sou sorte que se enjeite
Eu não sou porto que se deixe
Moreno, sei me levar

Eu não sou carne e nem sou peixe, moreno
Rio abaixo, rio acima
Nem sou cacimba vazia
Que se enche de chorar

Eu não sou braço de mar, moreno
Que não se deixe abraçar
Nem sou a fulô da margem, moreno
Que não se possa cheirar
Nem sou a fulô da margem, moreno
Que não se possa cheirar

músicas | top novidades | top artistas



Mais ouvidas de Elba Ramalho

músicas

Top músicas do Kboing
top músicas

Denunciar conteúdo inapropriado

Facebook
Google Plus
Rádio Kboing FM
aleatório
repetir