Sente a Pressão (part. Jonathan)

MAG


ouvir adicionar
E ai Jonata beleza, beleza Bruninho
Ai não sabe da maior, o Mag ai conhece
Conheço pó, aquele que falou que rebaixou e jogou no chão né
Quero vê amanha aquele pega como é que ele vai fica
Eh mesmo ele vai fica cagando ele vai sair correndo
Eh mesmo com sonzão de funk bolado
Pó vamos chega só de chevete
Vamos esculacha de aro dezessete
Eh vamos botar ele pra comer poeira
Eh ate ele respira fumacinha, é do meu pneu queimado
Olha só am, am, tamo juntos, ta marrento em Jonata
Ei Mag seu marrento
Eu te esculacho de chevete
De marra de pitolo, então põe aro dezessete
Seu pivete moleque
E meu nome é Jonata
Pode ficar triste porque o racha é amanha
Se perde não adianta vai me entregar a sua chave
O meu carro tem neom ta no estilo espacionave
Lava a sua carreta, pode por o nitro
Usa o turbo que eu não ligo
Leva a sua mina, chama os seus amigos
Você não tem talento pra enrosca comigo
Se vai ser no autódromo, fica a seu critério
Se erra na curva vai pro ferro velho
Se bota 150 você não vai me pega
Se eu sair na sua frente você não vai me passa
No estilo veloz, furioso eu to
Peguei a minha bazuca pra te esculacha depois
O meu carro treme a 5cm do chão
Acho que tu vai perde, porque aqui tem muita pressão
A minha idade não importa, tem neom na porta
E se fala demais quero vê se tu pilota
Você pode esta com a nota, eu to coma a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Mag, então se liga pode vim de áudio A3
Eu te esculacho de chevete, com seu aro dezesseis
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Há, há moleque, você é marrento em Jonata
Você fica assistindo filme e depois que me esculacha
Se liga ai

Ai moleque ta certo você que me esculacha
Assisti muito filme depois tenta me imita
Você tem muito estilo mais você e de menor
Se a sua mão fica sabendo, vou ficar numa pior
Fica correndo numa pista de cart
Olha a sua idade, não to amarelando
Vai pra casa já esta tarde
Isso é pra gente grande não é pra pivete
Vai dirigi o seu bugri mais esquece esse chevete
Eu sei que você que, ouvi funk ta na pista
Mais vê se aparece, vai tira a sua carteira de motorista
Compre uma revista, lê mais sobre carro rebaixado
Abre o meu capo porque o meu moto já ta fussado
Eu aceito o desafio mais você vai me promete
Que não vai falta na escola depois que você perde

Mag, nem vem com esse papo furado
Você tem medo e de ser esculachado
Eu sou de menor mais já piloto bugri
Já dirigi cart, já tive mini bugri
Você vai passa vergonha com o seu aro dezesseis
Mais você disse se perde eu do o meu carro pra vocês
Eu to na pista, acelera agora que eu quero vê
Quando o sinal abri eu vou desaparecer
Só vou vê seu audio a3 no meu retrovisor
Mag a coisa ta feia, porque o meu tem mais motor
Agora vai a pé, bobiou ???
Passa a chave, documento Mag você perdeu
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Jonata, Jonata, acorda cara
Que parada é essa de aro dezesseis
Pó brother eu sonhei que tinha dado
Um maior coro no Mag num pega cara
Ta maluco cara tu nem sabe dirigir
E mesmo ai vamos embora, vamos embora
Vamos embora E ai Jonata beleza, beleza Bruninho
Ai não sabe da maior, o Mag ai conhece
Conheço pó, aquele que falou que rebaixou e jogou no chão né
Quero vê amanha aquele pega como é que ele vai fica
Eh mesmo ele vai fica cagando ele vai sair correndo
Eh mesmo com sonzão de funk bolado
Pó vamos chega só de chevete
Vamos esculacha de aro dezessete
Eh vamos botar ele pra comer poeira
Eh ate ele respira fumacinha, é do meu pneu queimado
Olha só am, am, tamo juntos, ta marrento em Jonata
Ei Mag seu marrento
Eu te esculacho de chevete
De marra de pitolo, então põe aro dezessete
Seu pivete moleque
E meu nome é Jonata
Pode ficar triste porque o racha é amanha
Se perde não adianta vai me entregar a sua chave
O meu carro tem neom ta no estilo espacionave
Lava a sua carreta, pode por o nitro
Usa o turbo que eu não ligo
Leva a sua mina, chama os seus amigos
Você não tem talento pra enrosca comigo
Se vai ser no autódromo, fica a seu critério
Se erra na curva vai pro ferro velho
Se bota 150 você não vai me pega
Se eu sair na sua frente você não vai me passa
No estilo veloz, furioso eu to
Peguei a minha bazuca pra te esculacha depois
O meu carro treme a 5cm do chão
Acho que tu vai perde, porque aqui tem muita pressão
A minha idade não importa, tem neom na porta
E se fala demais quero vê se tu pilota
Você pode esta com a nota, eu to coma a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Mag, então se liga pode vim de áudio A3
Eu te esculacho de chevete, com seu aro dezesseis
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Há, há moleque, você é marrento em Jonata
Você fica assistindo filme e depois que me esculacha
Se liga ai

Ai moleque ta certo você que me esculacha
Assisti muito filme depois tenta me imita
Você tem muito estilo mais você e de menor
Se a sua mão fica sabendo, vou ficar numa pior
Fica correndo numa pista de cart
Olha a sua idade, não to amarelando
Vai pra casa já esta tarde
Isso é pra gente grande não é pra pivete
Vai dirigi o seu bugri mais esquece esse chevete
Eu sei que você que, ouvi funk ta na pista
Mais vê se aparece, vai tira a sua carteira de motorista
Compre uma revista, lê mais sobre carro rebaixado
Abre o meu capo porque o meu moto já ta fussado
Eu aceito o desafio mais você vai me promete
Que não vai falta na escola depois que você perde

Mag, nem vem com esse papo furado
Você tem medo e de ser esculachado
Eu sou de menor mais já piloto bugri
Já dirigi cart, já tive mini bugri
Você vai passa vergonha com o seu aro dezesseis
Mais você disse se perde eu do o meu carro pra vocês
Eu to na pista, acelera agora que eu quero vê
Quando o sinal abri eu vou desaparecer
Só vou vê seu audio a3 no meu retrovisor
Mag a coisa ta feia, porque o meu tem mais motor
Agora vai a pé, bobiou ???
Passa a chave, documento Mag você perdeu
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Ei Mag eu to de chevete
Vai comer poeira aqui é aro dezessete
Sai da minha frente
Porque eu to com a minha gang
De carro rebaixado a 10 por hora ouvindo funk
Sente a pressão

Jonata, Jonata, acorda cara
Que parada é essa de aro dezesseis
Pó brother eu sonhei que tinha dado
Um maior coro no Mag num pega cara
Ta maluco cara tu nem sabe dirigir
E mesmo ai vamos embora, vamos embora
Vamos embora
publicidade