Luiz Carlos Borges - Galpão Crioulo


ouvir adicionar
É brincadeira meu irmão tu tem que olhar
Quando eu cantar pela Tv
É um programa regional de coração
É o galpão crioulo tchê

Lá vem a gauchada pedindo vaneirão
Domingo no galpão é lindo o festerê
Tunico me chamou não posso me atrasar
O mundo está no ar e o povo quer me ver(2x)

É brincadeira meu irmão tu tem que olhar
Quando eu cantar pela Tv
É um programa regional de coração
É o galpão crioulo tchê

É tempo de cantar, é hora de sorrir
Daqui eu vou sair pra o que der e vier
Até o outro domingo gaúchos e gaúchas
De todas as querências se Deus quizer(2x)

Lá vem a gauchada pedindo vaneirão
Domingo no galpão é lindo o festerê
Tunico me chamou não posso me atrasar
O mundo está no ar e o povo quer me ver

É tempo de cantar, é hora de sorrir
Daqui eu vou sair pra o que der e vier
Até o outro domingo gaúchos e gaúchas
De todas as querências se Deus quizer É brincadeira meu irmão tu tem que olhar
Quando eu cantar pela Tv
É um programa regional de coração
É o galpão crioulo tchê

Lá vem a gauchada pedindo vaneirão
Domingo no galpão é lindo o festerê
Tunico me chamou não posso me atrasar
O mundo está no ar e o povo quer me ver(2x)

É brincadeira meu irmão tu tem que olhar
Quando eu cantar pela Tv
É um programa regional de coração
É o galpão crioulo tchê

É tempo de cantar, é hora de sorrir
Daqui eu vou sair pra o que der e vier
Até o outro domingo gaúchos e gaúchas
De todas as querências se Deus quizer(2x)

Lá vem a gauchada pedindo vaneirão
Domingo no galpão é lindo o festerê
Tunico me chamou não posso me atrasar
O mundo está no ar e o povo quer me ver

É tempo de cantar, é hora de sorrir
Daqui eu vou sair pra o que der e vier
Até o outro domingo gaúchos e gaúchas
De todas as querências se Deus quizer
publicidade