José Augusto - Choro (ao vivo)


ouvir adicionar
Eu não choro porque te amo
E nem porque passo noites procurando teu abraço
Eu não choro porque te estranho
Nem porque perdi, já superei não ter você aqui
Eu não choro por ser um a mais pra você
Se como amante falhei, o que fazer?

Choro pelo tempo que passei suplicando os teus lábios
Choro pela estúpida ironia de querer você só minha
Pelas noites que sonhei querendo tanto o teu querer
Quando na verdade só fui um jogo pra você

Hoje eu choro por mim e penso em você
Penso no que podia ser...

Choro pelo tempo que gastei desejando o teu beijo
Choro pela sorte maldita de te entregar a minha vida
Pelas noites que perdi sonhando estrelas mesmo assim
Pude sentir o sangue ainda queimar dentro de mim

Choro pelo tempo que passei suplicando os teus lábios
Choro pela estúpida ironia de querer você só minha
Pelas noites que sonhei querendo tanto o teu querer
Quando na verdade só fui um jogo pra você

Choro pelo tempo que gastei desejando o teu beijo
Choro pela sorte maldita de te entregar a minha vida
Pelas noites que perdi sonhando estrelas mesmo assim
Pude sentir o sangue ainda queimar dentro de mim

Choro, eu choro...
Eu não choro porque te amo
E nem porque passo noites procurando teu abraço
Eu não choro porque te estranho
Nem porque perdi, já superei não ter você aqui
Eu não choro por ser um a mais pra você
Se como amante falhei, o que fazer?

Choro pelo tempo que passei suplicando os teus lábios
Choro pela estúpida ironia de querer você só minha
Pelas noites que sonhei querendo tanto o teu querer
Quando na verdade só fui um jogo pra você

Hoje eu choro por mim e penso em você
Penso no que podia ser...

Choro pelo tempo que gastei desejando o teu beijo
Choro pela sorte maldita de te entregar a minha vida
Pelas noites que perdi sonhando estrelas mesmo assim
Pude sentir o sangue ainda queimar dentro de mim

Choro pelo tempo que passei suplicando os teus lábios
Choro pela estúpida ironia de querer você só minha
Pelas noites que sonhei querendo tanto o teu querer
Quando na verdade só fui um jogo pra você

Choro pelo tempo que gastei desejando o teu beijo
Choro pela sorte maldita de te entregar a minha vida
Pelas noites que perdi sonhando estrelas mesmo assim
Pude sentir o sangue ainda queimar dentro de mim

Choro, eu choro...
publicidade