ouvir : conectando
Para adicionar mais músicas, clique em adicionar meu canal e depois em "Adicionar ao player"
  • traduzir letra
  • imprimir letra
  • corrigir letra
  • ajuda


Eis o Ret aceso, irmão
Na luz da perdição me encontro e pago o preço
Vou além, fumo um, subo e desço
Esclareço alguém, confundo alguns, desobedeço
Já disse, vou repetir pra você
Quanto menos me ouvir, mais e melhor eu vou dizer
Tô vivo no mic mais um vez, cada linha um tiro
Tenho 10 pentes de 16
Acende um fino, entre hi hats e pratos
Corre daqui com seu papinho reto e chato
Tô no páreo, caralho, fumando droga
É o rap carioca chegando tocando o zaralho

Quem reclamar vai perder
Se o mundo não te entendeu, cê não se fez entender
Atrás da glória, trampando o dia inteiro
Na prática, a vitória é de quem pega primeiro
Sou tiro que arranca máscara
Meu partido sou eu tipo hezbollá
To no ttk, manda vir me pegar
Seu respeito já não basta só seu medo bastará

Vivaz não pode errar
Linda, vem me curar
Vivaz não pode errar
Sou mais um neurótico de guerra

Pisando na grama, roubando rosas
As melhores ideias são as perigosas
Se acomode ou se incomode
A fé não vale de nada pra mente preguiçosa
Eles querem o bem, eu quero a verdade
Vivem pra deixar bens, eu pra deixar saudade
Meu som sai da sagacidade
Pra ser bom é preciso sentir raiva da mediocridade
Sonhar vicia, parar de sonhar e agir
É a onde tá sabedoria
Eles falam demais, mas falam em vão
O vivaz sabe que o silêncio tem sempre razão
É só entender, quem escuta não ouve
Quem olha não vê
Do submundo vou subverter, ou você
Intimida o mundo ou mundo intimida você
Ligado e perigoso, se eles são iluminados
Eu sou luminoso
Pode dizer que meu sonho é inútil
Os loucos românticos sempre riem por último

Vivaz não pode errar
Linda, vem me curar
Vivaz não pode errar
Sou mais um neurótico de guerra


Mais músicas de Filipe Ret

músicas | top novidades | top músicas | top artistas