Seresteiro Das Noites

Amado Batista


ouvir adicionar
Existem momentos na vida
Que lembramos até morrer
Passados tão tristes no amor
Que ninguém consegue esquecer
Carrego uma triste lembrança
De um bem que jurou me amar
Está presa em meu pensamento
E o tempo não vai apagar
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Enquanto eu cantava o amor
Em mim uma paixão nascia
Entre a penumbra um rosto
Na janela pra mim sorria
Um beijo uniu nossas vidas
Mas sepultou sonhos meus
meses depois uma carta
E nela a palavra adeus
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Meus cabelos estão grisalhos
Do sereno das madrugadas
Meu violão velho num canto
Já não faço mais serenatas
Abraço o calor do sol
Choro quando vejo a lua
Parceira das canções lindas
Que cantei na sua rua
Fui seresteiro das noites... Existem momentos na vida
Que lembramos até morrer
Passados tão tristes no amor
Que ninguém consegue esquecer
Carrego uma triste lembrança
De um bem que jurou me amar
Está presa em meu pensamento
E o tempo não vai apagar
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Enquanto eu cantava o amor
Em mim uma paixão nascia
Entre a penumbra um rosto
Na janela pra mim sorria
Um beijo uniu nossas vidas
Mas sepultou sonhos meus
meses depois uma carta
E nela a palavra adeus
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Fui seresteiro das noites
Cantei vendo o alvorecer
Molhado com os pingos da chuva
Com flores pra lhe oferecer
Meus cabelos estão grisalhos
Do sereno das madrugadas
Meu violão velho num canto
Já não faço mais serenatas
Abraço o calor do sol
Choro quando vejo a lua
Parceira das canções lindas
Que cantei na sua rua
Fui seresteiro das noites...
Todas as músicas de Amado Batista
24 Horas no Ar
A Raposa e as Uvas
A Rua em Que Você Morava
A Única
Acordei
Agora Ou Nunca Mais
Ah! Se Eu Pudesse
Alucinação
Amado@.Com
Amanhã
Amantes
Amar, Amar
Amigo (part. Eduardo Costa)
Amor Antigo
Amor De Verdade
Amor Meu Louco Amor
Anjo Bom
Carta Sobre a Mesa
Casa Bonita
Casamento Forçado
Castelo de Sonhos
Chance
Começando A Chorar
Desculpa
Desejos e Segredos
Desisto (Obrigado A Desistir) (part. Sérgio Reis)
Desliga a Luz e o Telefone
Deusa Nua
Diz Pra Sua Amiga
És Meu Amor (It's for You)
Esperança
Estou Só
Eu Amo Você
Eu Chorei
Eu Quero É Namorar
Eu Sou Seu Fã
Explode Coração
Feiticeira
Feiticeira
Folha Seca
Força Do Amor
Hey
Lista De Compras
Louco de Amor
Menina
Menininha Meu Amor
Meu Doce Amor
Meu Ex Amor
Meu Louco Amor
Na Contramão Do Amor
Nada É Proibido
Não, Não Vá Embora
O Acidente
O Amor é Muito Bonito
O Amor Vai Vencer
O Amor Vai Vencer
O Boêmio
O Fruto Do Nosso Amor (Amor Perfeito)
O Julgamento
O Meu Telefone
O Meu Telefone
O Nascer Do Sol
O Negócio da China
O Pobretão
O Príncipe
O Príncipe
O Ritmo da Chuva (Rhythm of the Rain)
Olhos Verdes
Outras Cenas
Paixão Proibida
Pensando Em Você
Perdido de Amor
Perdido De Amor
Princesa
Quando Eu For Embora
Quarto de Mansão
Que Saudade
Quem É Você
Quero Você
Romance no Deserto (part. Fagner)
Secretária
Seguindo A Multidão
Separação (part. Rosemery)
Serenata
Seresteiro Das Noites
Só Pra Você Ver
Só Pra Você Ver
Sol Vermelho
Tá Com Raiva De Mim
Tarde Solitária
Te Amo, Te Quero, Te Adoro e Te Tudo
Tem Pena de Mim
Tempo Perdido
Três Marias
Tum Tum De Saudade
Velha Carta
Vem Morena
Viola Cabocla
Vitamina E Cura
Vou Dar Um Fim Em Tudo
publicidade